no

Por que o energético Red Bull é tão caro?

Preço alto do Red Bull tem mais a ver com marketing e reputação no mercado do que com seu valor de produção.

Red Bull caro
Foto: Pixabay

Se você tem o costume de consumir bebidas energéticas, já deve ter percebido que, quando você compara o custo de uma lata de Red Bull com as latas de outras marcas, nota-se que o preço da marca do touro vermelho tende a ser mais alto. Dito isto, a pergunta que fica é: afinal de contas, por que o Red Bull é tão caro?

Ao longo desse artigo, nós vamos analisar algumas informações que podem ajudar a explicar por que esse energético costuma ser tão caro.

Foto: PxHere

O Red Bull é caro porque investe consideravelmente em campanhas de marketing

Você vê anúncios de Red Bull o tempo todo? Pois bem, isso acontece porque essa marca tende a anunciar em todos os lugares possíveis. De fato, a empresa gasta uma enorme quantidade de dinheiro em publicidade a cada ano. Embora esses custos acabem sendo recuperados pela empresa de alguma forma, grande parte do valor gasto com publicidade é repassado ao consumidor.

Quando uma empresa gasta muito dinheiro em publicidade, você também acaba absorvendo parte desse custo como consumidor. Os custos de publicidade precisam fazer sentido para a Red Bull e, portanto, ela precisa aumentar o preço dos seus produtos para ajudar a pagar as publicidades e os contratos com os atletas famosos de esportes radicais que carregam a logomarca da empresa em seus uniformes.

Publicidade e marketing são conceitos únicos nos negócios. No mundo de hoje, você precisa gastar muito dinheiro em marketing para tornar o seu produto popular, mas gastar esse dinheiro também reduz seu lucro, obviamente. Consequentemente, isso pode ser difícil para as empresas decidirem o que é melhor para sua empresa como um todo.

Em muitos casos, é possível notar que energéticos menos conhecidos têm preços mais baixos que o Red Bull. Você pode ver isso com frequência ao comparar uma marca estrangeira com uma marca regional, independentemente do produto. Por exemplo, compare o preço de uma batata frita genérica com o de uma batata Ruffles e verá uma diferença considerável nos números.

Foto: Pixabay

O Red Bull é caro porque se aproveita da sua reputação no mercado

Se você tiver idade suficiente, pode se lembrar de uma época em que as bebidas energéticas não eram tão comuns. De fato, as bebidas energéticas só se tornaram populares nos últimos quinze anos. Anos atrás, a ideia de uma bebida energética era restrita a uma grande dose de cafeína pura, como refrigerante ou café.

A Red Bull foi uma das primeiras empresas a lançar um energético de sucesso no mercado. Consequentemente, muitas pessoas se lembram do Red Bull como o pioneiro dos energéticos. Portanto, como o Red Bull existe há tanto tempo, ele passou a ser considerado uma referência no mercado ao qual está inserido, o que ajuda a dar à marca uma certa autoridade para cobrar um valor mais alto.

Quando as pessoas gostam muito de uma marca, elas tendem a comprar seus produtos mesmo quando os preços são um pouco mais altos que o de outras fabricantes. A história do Red Bull e sua reputação mostram que esse energético é eficaz e, portanto, leva o consumidor a acreditar que vale a pena pagar uma quantia a mais por ele.

Com isso em mente, podemos dizer que a marca Red Bull pode cobrar preços mais altos simplesmente porque sabe que as pessoas estarão dispostas a pagar quantias mais altas por seus produtos.

Red Bull caro
Foto: Pixabay

Como economizar na hora de comprar energéticos

Agora que você sabe por que o Red Bull é tão caro, você pode estar se perguntando se há uma maneira de economizar dinheiro sem precisar cortá-lo de seu orçamento. Bem, a verdade é que existem algumas coisas que você pode fazer para ajudar a reduzir os seus gastos com a bebida.

Para começar, a melhor forma de comprar Red Bull é a granel. Você pode encontrá-lo facilmente em uma grande loja atacadista ou até mesmo em sua mercearia local. Quando você compra um lote de Red Bull de uma só vez, paga significativamente menos por lata do que pagaria ao comprar uma única dose em uma loja de conveniência.

Além disso, você também pode tentar dar uma chance a energéticos “menos badalados”. Existem várias marcas regionais que cobram valores bem menores e que ainda assim conseguem entregar um ótimo produto. De fato, em alguns casos é possível comprar uma garrafa de 2 litros de energético pelo mesmo valor que você pagaria em uma lata com 473 ml de Red Bull!

Leia Também: Do que é feito o Red Bull?
Leia Também: Quem inventou o energético?

Embora o marketing e a publicidade do Red Bull sejam realmente fortes, essa marca não é a única disponível no mercado. Portanto, abra sua mente para outras opções para economizar um pouco de dinheiro.

E você, costuma consumir esse energético com frequência? Se você gostou desse post, não se esqueça de compartilhá-lo! 😉

Esse post merece um GOSTEI ou NÃO GOSTEI?

Agrônomo

O que faz um agrônomo?

12 curiosidades incríveis sobre o Nirvana