no

Por que levantamos nossas sobrancelhas quando ficamos surpresos?

Segundo Darwin, levantamos nossas sobrancelhas quando estamos surpresos para que possamos ver melhor, mas será que ele estava certo?

Foto: Pixabay

Se você observar com atenção, verá que as nossas representações faciais de surpresa sempre parecem mostrar três características básicas: olhos arregalados, um queixo caído (boca aberta) e sobrancelhas levantadas, sendo esta última a mais curiosa de todas. No entanto, você já se perguntou por que isso acontece quando ficamos surpresos?

Ao longo deste artigo você vai perceber que esse detalhe aparentemente simples é, na verdade, um tanto complexo, envolvendo Darwin e comunicação social na mesma jogada. Antes disso, entretanto, precisamos entender primeiramente as causas por trás da sensação de surpresa.

Foto: Pixabay

Por que ficamos surpresos?

O elemento surpresa está estritamente ligado ao elemento da ocasionalidade. Desde pequenos, nós respondemos a estímulos novos e inesperados. Dito isto, a sensação de surpresa nada mais é do que uma reação ao inesperado.

Nossas experiências moldam nossos sistemas de crenças sobre o mundo e nosso lugar nele, o que alguns psicólogos chamam de “esquema”. De um modo geral, formamos nossos “esquemas” a partir de experiências passadas e presentes e, com base nelas, podemos predizer o que pode ou não acontecer na próxima instância ou daqui a um ano.

Se você nunca recebeu uma festa de aniversário surpresa, ou nunca vivenciou qualquer indicação de que festas de aniversário surpresa podem até ser uma possibilidade, seu cérebro elimina essa possibilidade. Então, quando uma festa surpresa de aniversário acontecer e você vir seus amigos e familiares ali com um bolo e serpentinas, será uma surpresa. Na prática, seu esquema não conseguiria prever isso.

Com isso em mente, podemos dizer que a intensidade de sua surpresa vai depender do quão inesperado é o evento em questão. Quanto mais inesperado, mais surpreso você se sente.

Foto: Pixabay

O mecanismo de surpresa e a evolução

A “surpresa” desperta uma onda de curiosidade dentro de nós, pois o cérebro humano tende a ficar ansioso para analisar o inesperado. Esse foco em algo inesperado faz sentido evolucionário, visto que um evento desse tipo pode representar um perigo que nunca experimentamos. Dito isto, a surpresa nos ajuda a construir sobre nossa experiência de mundo.

Voltando ao exemplo anterior, depois que alguém oferece uma festa de aniversário para você, seu cérebro a integra ao seu esquema. Agora, se alguém der outra festa surpresa para você, é provável que você fique bem menos surpreso do que da primeira vez.

Vale destacar que não é apenas a sua cabeça que se move na direção da surpresa, já que todos os seus sentidos entram em alerta máximo. Na prática, juntamente com nossa exploração mental estão as nossas expressões faciais, que nos levam ao curioso ato de levantar as sobrancelhas…

Foto: Pixabay

A famosa expressão facial de surpresa

Segundo o mais famoso biólogo evolucionista de todos os tempos, Charles Darwin, erguemos as sobrancelhas e arregalamos os olhos para ver melhor. Segundo Darwin, isso amplia nosso campo de visão, o que nos permite perceber melhor a “surpresa”.

Biólogos evolucionistas e psicólogos investigaram a hipótese de Darwin. Surpreendentemente, os pesquisadores chegaram a uma variedade de conclusões. Por exemplo, a maioria das pessoas, ao que parece, não muda significativamente sua expressão quando é surpreendida.

A característica de arquear de sobrancelha, ficar com os olhos arregalados e manter a boca aberta são mostradas apenas por uma minoria de 10% a 30%, conforme constatado por vários estudos. O mesmo se aplica a outras emoções, como felicidade, tristeza e nojo. Consequentemente, isso descarta a hipótese de Darwin, então por que essas expressões existem?

Bem, provavelmente isso tem a ver com uma questão de comunicação social. Em suma, esses trejeitos ajudam a comunicar nossas emoções às outras pessoas em nossa sociedade. Um indivíduo demonstrando raiva mostraria desaprovação aos outros membros, enquanto uma expressão de medo indicaria perigo. Um caso semelhante indicaria surpresa, pois muitas vezes levantamos as sobrancelhas para mostrar à outra pessoa que fomos surpreendidos.

Leia Também: Por que o burro é visto como um símbolo da falta de inteligência?
Leia Também: Por que a água é transparente?

Quer uma surpresa o faça levantar as sobrancelhas ou não, o fato é que muitas surpresas são agradáveis (para a maioria das pessoas) e há evidências de que buscamos surpresas no dia a dia porque elas nos dão alegria.

Muito interessante, não é mesmo? Se você gostou deste post, não se esqueça de compartilhá-lo! 😉

Esse post merece um GOSTEI ou NÃO GOSTEI?

Burro

Por que o burro é visto como um símbolo da falta de inteligência?

Quantos frangos são abatidos por dia para o consumo humano?