no ,

Você sabia que um homem evitou sua morte ganhando no xadrez?

Além de ser considerado uma arte e uma ciência, o xadrez também pode ser visto como um salvador de vidas.

Jogando xadrez
Foto: Pixabay

Todo mundo já sabe que o xadrez é um jogo onde ter uma boa estratégia é essencial. Geralmente, os campeões de xadrez ganham prêmios em dinheiro, mas neste caso em particular, a premiação foi ainda maior. Na partida de xadrez que Ossip Bernstein disputou em 1918, era a sua própria vida que estava em jogo.

Ao longo deste artigo, você vai conhecer essa história incrível que comprova o poder de salvação de certas habilidades.

Foto: Wikimedia Commons

Ossip Bernstein: um prodígio do xadrez

Como relatado por Arnold Denker em The Bobby Fischer I Knew and Other Stories, Ossip Bernstein nasceu em 20 de setembro de 1882 na cidade de Zhytomyr, no Império Russo pré-revolucionário.

Em 1906, Bernstein recebeu seu doutorado em direito na Universidade de Heidelberg e iniciou sua carreira como advogado financeiro.

Com muitas vitórias no xadrez, Bernstein também passou a ficar conhecido em todo o Império Russo como um grande enxadrista. No entanto, a Revolução Bolchevique traria grandes mudanças tanto para o Império Russo quanto para a vida de Bernstein.

Algumas dessas mudanças envolveram a apreensão de propriedades privadas, a nacionalização de todos os bancos russos, o confisco de contas bancárias privadas e a execução daqueles que colaboravam com os banqueiros e a realeza, sendo que uma destas pessoas era Ossip Bernstein.

Tabuleiro de xadrez
Foto: Pixabay

A prisão e o desafio incomum

Em 1918, após a Revolução Bolchevique, Bernstein passou a trabalhar na cidade ucraniana de Odessa como consultor jurídico de banqueiros. Devido ao seu envolvimento com os bancos, Bernstein foi preso pela Cheka, a polícia secreta bolchevique. Após a prisão, ele foi condenado a ser executado por um esquadrão de tiro.

No dia de sua execução, enquanto o esquadrão se preparava para disparar, o oficial superior decidiu conferir a lista com os nomes dos prisioneiros selecionados para execução.

Como amante do xadrez, o oficial reconheceu imediatamente o nome Ossip Bernstein. O oficial perguntou ao rapaz se ele realmente era o famoso mestre de xadrez e Bernstein confirmou. No entanto, a resposta não foi suficiente para convencer o oficial. Por isso, ele desafiou Ossip Bernstein em uma partida de xadrez.

As condições do jogo eram simples: se Bernstein vencesse e provasse ser realmente bom no xadrez, ele seria libertado; se ele perdesse, seria executado.

Foto: Pixabay

O desfecho da partida de xadrez mais importante de Ossip Bernstein

Sem grandes surpresas, Bernstein conseguiu vencer o jogo com facilidade e foi imediatamente libertado. No entanto, sentindo-se inseguro na recém-formada União Soviética, Bernstein decidiu morar em Paris.

Leia Também: Algum submarino já foi destruído pelo próprio torpedo?
Leia Também: Por que Coca-Cola e Pepsi têm sabores diferentes?

Em solo francês, Bernstein permaneceu trabalhando como advogado financeiro e passou a jogar xadrez representando a França. Ele morreu em 30 de novembro de 1962 em um sanatório nos Pirenéus franceses.

Um caso bem inusitado, não é mesmo? Se você gostou desse post, não se esqueça de compartilhá-lo! 😉

Esse post merece um GOSTEI ou NÃO GOSTEI?

Mestre cervejeiro

O que faz um mestre cervejeiro?

Estátua de Genghis Khan

Quem foi Genghis Khan?