no

Por que as plantas produzem frutas?

As plantas produzem frutas para atrair animais capazes de dispersar suas sementes em um método bastante engenhoso.

As frutas são uma dádiva deliciosa e nutritiva da natureza, com variedades e sabores disponíveis para todos os gostos. Elas podem ser encontradas em praticamente todas as cores e são carregadas com vitaminas, minerais e fibras alimentares, o que os torna verdadeiros remédios naturais. Mas você já parou para pensar na razão pela qual as plantas produzem frutas?

Continua após a publicidade..

Neste artigo, você vai descobrir que as plantas produzem frutas para atrair animais capazes de dispersar suas sementes.

Como e por que as plantas produzem frutas?

por que as plantas produzem frutas 1
Fonte: Pixabay

As frutas são produzidas por plantas angiospermas, que formam o grupo de plantas mais diverso do mundo. Essas plantas produzem flores que contém as partes reprodutivas: o estame (estrutura masculina da flor) e o carpelo (estrutura feminina da flor). Assim que um grão de pólen entra em contato com o carpelo, a planta é fertilizada e o desenvolvimento do fruto começa. Dito isto, as plantas não produzem frutos que contêm sementes por pura “bondade”; na verdade, seu propósito é a dispersão de sementes.

Como explica o Fruit Information, as frutas doces e suculentas são destinadas a atrair animais. Imagine que um pássaro encontra uma acerola. Então, ele leva a fruta para um cantinho sossegado para desfrutá-la tranquilamente. Depois de comer as partes suculentas e carnudas, ele joga as sementes em outro lugar no chão, dando continuidade a um método de dispersão de sementes baseado na alimentação dos animais.

Continua após a publicidade..

Para atrair os animais, as plantas produzem frutas com açúcares específicos, como a glicose, produzidos pela fotossíntese. O rendimento e a qualidade dos frutos dependem da taxa de fotossíntese da planta. É por isso que é importante que os agricultores cultivem suas colheitas nas melhores condições para obter o máximo rendimento possível de frutas.

Outros frutos pequenos, como bolotas, podem ser dispersados pelo vento enquanto ele as carrega de um lugar para outro, mas também podem ser carregados por animais. Por exemplo, o Scrat, esquilo do filme “A Era do Gelo”, gosta tanto de bolotas que está sempre procurando novos lugares para escondê-las.

Continua após a publicidade..

E quanto aos legumes?

por que as plantas produzem frutas 2
Fonte: Pixabay

Os legumes diferem dos frutos porque são partes comestíveis das plantas, nomeadamente o caule, as folhas ou as raízes. A cenoura, por exemplo, é a raiz (muito modificada) da planta, absorvendo água e nutrientes do solo. A batata, por sua vez, é na verdade o caule da planta, com vários “nós” de onde novas plantas podem crescer.

Da mesma forma que um camelo armazena água em suas corcundas, as plantas armazenam amido em seus vegetais. À noite, ou em horários em que a luz solar costuma ser mais fraca, como na estação chuvosa, elas podem converter esse amido de volta em glicose para obter energia. Sendo assim, quando colhemos os legumes, estamos essencialmente tirando as reservas de energia que a planta passou a vida produzindo.

As plantas produzem mais glicose quando as condições propícias para realização da fotossíntese (luz solar, água e níveis de dióxido de carbono) são ideais. Essa glicose é convertida em amido e celulose e posteriormente redirecionada para diferentes regiões da planta, como raízes, caules e folhas. Dessa forma, uma melhor fotossíntese resultará em cenouras, batatas, alfaces, brócolis e tantos outros legumes maiores e mais nutritivos.

Uma palavra final

Frutas maduras.
Fonte: Pixabay

Frutas e legumes não são apenas ricos em carboidratos, mas também em outros compostos bioativos provenientes de pigmentos vegetais. A cenoura obtém sua cor vermelha do pigmento betacaroteno, que é produzido pelas plantas usando glicose como energia.

Para nossa felicidade, o betacaroteno é convertido em vitamina A em nossos corpos, o que é excelente para a saúde dos olhos, imunidade e pele clara. É por isso que você deve ouvir seu nutricionista quando ele diz para você consumir muitas frutas e vegetais.

É possível que pesquisas futuras se concentrem em melhorar a fotossíntese modificando plantas geneticamente para aumentar as atividades enzimáticas, de modo que as plantas produzam frutas e legumes mais nutritivos.

Leia Também: Por que o arco-íris não tem preto, marrom e cinza?
Leia Também: Por que celebramos o Ano-Novo bebendo champanhe?

Além disso, a modificação genética pode aumentar a resistência à seca e a doenças. Encontrar as melhores maneiras de aprimorar a quantidade e a qualidade dos alimentos é crucial para atender às demandas de nossa população cada vez maior.

Muito interessante, não é mesmo? Se você gostou deste post, não se esqueça de compartilhá-lo! 😉

Esse post merece um GOSTEI ou NÃO GOSTEI?

Eletricidade: O Que É e Como É Produzida?

Eletricidade: O Que É e Como É Produzida?

Ibovespa: O Que É e Qual a Importância?

Ibovespa: O Que É e Qual a Importância?